sábado, 7 de setembro de 2013

Até a próxima edição?!?



POR DIOGO BUENO



'Cá Entre Nós'


     Hoje é um dia especial para o blog, por diversos motivos, um deles é que hoje dia 07/09/2013 completamos 3 anos e meio no ar. Com mais de 30 mil visualizações, o Planeta Diário Brasil conseguiu conquistar seu espaço na cobertura do mundo do entretenimento - claro que guardada suas devidas proporções. Mas, o que chama a atenção para esta data é o triste, porém, inevitável fim do blog. 



     Estou num momento da minha vida muito atribulado, por conta do meu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), meus preparativos para minha viagem a Nova York, no ano que vem e, academia e trabalho de costume. Não foi fácil chegar neste entendimento. O PDB sempre foi para mim, um refúgio delicioso desta loucura que é minha vida. Fui muito feliz nesses quase 4 anos. Fiz amigos e consolidei amizades. Sinto que cumpri o que prometi a 3 anos e 6 meses atrás: ''Inaugura-se hoje, 07 de março de 2010 o Blog Planeta Diário Brasil!!! Firmo aqui meu compromisso de postar todos os fatos relevantes do Brasil e do mundo expondo minha visão sobre o tema, respeitando quaisquer opiniões divergentes''.

     


     É, dizer Adeus não é mole, mas vamos nos encontrar em breve por este mundo que tanto amo. A TV, o cinema sempre estarão comigo. E se vocês estiverem ligados neles, irão me ver. Neste processo de blog tive o prazer de ter colaboradores fantásticos: Cimo Bueno, Evelin Gasparin, Ketilyn Almeida, Khaoe Pacheco, Thiago Bueno. Vocês foram formidáveis. O Planeta Diário Brasil não seria o mesmo sem a contribuição de vocês. Quando o assunto era séries novas a Evelin estava ali, a Keti trouxe o campo da fotografia e literatura para o PDB. Cimo venho com o cult e Thiago trouxe o pop. O Khaoe trouxe tudo, além de suas garimpagens, deu ainda mais vida ao meu sonho. Agradeço a Todos pelo empenho e esforço.



    Também tivemos a participação especial de gente boníssima: Edson Liberato, Iris de Almeida, Márcio JardimMilena SouzaRodrigo Wolff Apolloni e Tomás Eon Barreiros. Muito tiveram a palavra aqui no PDB e nos meus momentos tentei passar o que sentia, vivia e via. Lembro e levo com carinho os comentários espontâneos que alguns admiradores do blog postaram nesse tempo todo. Tenho que falar de leitores que sempre se pronunciaram no blog: Luan, Everton e Fernanda. Obrigado a Todos!!!


Ficamos por aqui!!!

     

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

GARIMPO: LINE OF DUTY




A joia rara está na BBC
 por Khaoe Pacheco do blog BadFish

     Melhor canal para se acompanhar seriados de TV estrangeiros, o + Globosat trás ao assinante a excelente produção Line of Duty. Também conhecida como Linha do Dever, a produção conta a história de uma unidade da policia que investiga ações dos policiais corruptos.
     


     Dedicado ao máximo no trabalho, o detetive Steve Arnott (Martin Compson) é chefiado pelo Superintendente Higgins (Adrian Dunbar)a investigar o elogiado policial Tony Gates (Lennie James). Muito querido e respeitado e também acima de qualquer suspeita, Gates se torna vitima de uma perseguição implacável de Arnott e, principalmente, Higgins, que acha que tanto bom mocismo, é exagero. Para quem assiste os primeiros minutos de Line of Duty, também acha que a perseguição pode ser por puro racismo, já que Gates é negro, até que... o  certinho Gates pula a cerca mesmo tendo um casamento estável, sua amante é a ricaça Jackie (Gina Mckee) uma mulher mentirosa que atropela um homem e envolve Gates na história, cheia de furos.



     Mesmo achando que a investigação de Higgins é um exagero, Arnott aos poucos se convence que Gates não é tudo aquilo que aparenta ser e acaba levando a investigação até o final. Cheio de reviravoltas, Line of Duty é mais uma produção caprichada da BBC da Inglaterra que prende do inicio ao fim. Enquanto os seriados policiais americanos se preocupam em mostrar seus heróis imbatíveis com perseguições de carros e ação constante, as produções inglesas dão toda a atenção aos personagens, fazendo-os se identificarem com público. Talvez por isso, os fãs de séries criticam as produções inglesas por considera-las lentas ou arrastadas. Mas não é bem por aí, na Inglaterra a investigação do caso é bem mais importante do que seu desfecho cinematográfico.  



     Bastante elogiada por público e critica inglês, Line of Duty foi elevada a categoria de seriado devido aos altos índices de audiência.  A segunda temporada estreia em outubro na Inglaterra, sem previsão no Brasil. Vai ao ar domingos as 10h. Com este me despeço da sessão Garimpo que tanto me alegro. Ao meus fãs aqui do Planeta Diário Brasil um grande abraço e quem sabe até uma próxima edição!!!

domingo, 1 de setembro de 2013

Com a Palavra por TBA Edição 7

EDITORIAL - SETEMBRO



E o mês do desgosto - como muitos dizem - acabou. E um novo mês vem pela frente. Setembro seja bem-vindo! por Diogo Bueno


     Sinceramente, o mês de Agosto para mim não foi nada ruim. Também poderá, foi minhas - merecidas - férias. Gosto muito de trabalhar, estudar, fazer academia. Tudo junto e misturado! Mas ter um intervalo de pelo menos alguns desses afazeres é revigorante. Cometei que iria usar as férias para dar uma nova cara a este Blog - o que não aconteceu. Na verdade fui nas minhas férias que decidi encerrar as atividades do Planeta Diário Brasil. Vou explicar em um outro post (07/09/2013) o por que desta decisão - que acreditem, não foi nenhum pouco fácil.



     Mas vamos falar das novidades no mundo do entretenimento para este mês. Duas novelas de peso voltam a tela no Canal Viva: A Próxima Vítima (1995) às 16h15 e Água Viva (1980) à meia-noite. A primeira de Silvio de Abreu sobre assassinatos baseados no horóscopo chinês estreia no dia 09 de setembro e a segunda de Gilberto Braga com colaboração de Manoel Carlos no dia 30.




     Aqui no Planeta Diário Brasil a novidade já foi adiantada no primeiro parágrafo. O blog vai ser encerrado esses mês depois de grande sucesso durante quase 4 anos. Como já disse, vou publicar um post no dia 07/09/2013 explicando e me despedindo devidamente. Aproveitem esses últimos post e até a próxima edição!!!

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

GARIMPO: A VACA E O FRANGO E EU SOU O MÁXIMO


Uma dupla mais que animada 
por Khaoe Pacheco do blog BadFish




   Todos os finais de semana as 19h00 o canal Tooncast reserva aos assinantes duas pérolas da historia das animações americanas, A Vaca e o Frango e Eu sou o Máximo. Produções originais do  Cartoon Network, as animações foram produzidas a partir da necessidade do canal em ter produções próprias na sua grade de programação que estava ficando defasada por apostar em produções antigas da Warner Bros e dos estúdios Hanna-Barbera. Alias, o Cartoon faz parte do conglomerado Time-Warner.



   A Vaca e o Frango, produção de 1997, é provavelmente o desenho mais surreal já produzido. A premissa absurda conta a hilária convivência de uma vaca chamada Vaca e seu irmão frango chamado Frango. Os dois vivem junto com os pais humanos chamados Pai e Mãe que sempre são focalizados da cintura para baixo. Os roteiristas do desenho liderados pelo criador David Feiss piravam muito, pois nunca as historias eram convencionais como nos outros desenhos. As aventuras dos dois podiam se passar em qualquer lugar. A paz dos irmãos é sempre atrapalhada pelo vilão da serie chamado Bunde Fora um ser que a cada episódio aparece para atrapalhar a vida dessa família nada comum.



   Tão surreal quanto A Vaca e o Frango, Eu sou o Maximo conta as malucas aventuras de Máximo, uma doninha esperta e seu inseparável companheiro Babao um babuíno muito doido. Suas aventuras se passavam em qualquer lugar e qualquer período de tempo. O desenho foi criado também por David Feiss que testou a produção primeiro em A Vaca e o Frango. Os dois fizeram tanto sucesso que acabaram ganhando serie própria. Se o publico ficou surpreso com tanta loucura vista em A Vaca e o Frango, Eu sou o Máximo conseguiu superar a criação original no quesito loucura.



   O sucesso destes desenhos no Brasil não seria o mesmo sem a inspirada versão dublada feita nos estúdios Cine Vídeo no Rio de Janeiro. A Vaca foi interpretada pela experiente Mirian Fischer que já havia arrasado como Lilica do desenho Tiny Toon. Ate hoje a atriz lembra com carinho da personagem e a considerada como uma de suas favoritas, apesar de usar e abusar de sua voz. Com poucos trabalhos de destaque no currículo até então, Clecio Souto viu as portas da dublagem se abrirem de vez ao fazer Frango com um timbre quase idêntico ao original. Outro que arrasou foi Jorge Vasconcelos como Bunde de Fora, o vilão. Outro destaque da dublagem foi a adaptação para o português de algumas expressões vistas no desenho. Dublado no mesmo estúdio, Eu sou o Maximo teve um inspirado Guilherme Briggs como Babão. O ator “brincou” bastante e improvisou o quanto podia. Apesar de mais contido, o experiente Dario de Castro interpretou Máximo.  



   Os desenhos, juntamente com outro clássico, As Meninas Superpoderosas, ajudaram a elevar o nome do Cartoon Network que no Brasil ficou famoso por ser o primeiro canal a exibir exclusivamente desenhos animados. Se hoje é comum, há 20 anos parecia só coisa de desenho animado. Até a próxima e última edição!!!

domingo, 25 de agosto de 2013

Com a Palavra por Ketilyn Almeida Edição 14





É tão triste começar o post, sabendo que é o último desta temporada do Planeta Diário Brasil, mas, vamos lá! por Ketilyn Almeida do blog Estranho ao Meu Modo


   Ultimamente, estou tão feliz com o fato de dois dos meus livros prediletos serem adaptados para as telonas. Mas, confesso que também estou preocupada. Sabe quando você gosta tanto da história, que teme as mudanças que serão necessárias para o longa? 
   Este é o caso da Menina que Roubava Livros, a obra de Markus Zusak, com previsão para estreia em janeiro do próximo ano. Já foram divulgados algumas fotos (no texto todo), e até o trailer oficial em inglês. 
  E o romance de John Green, A Culpa é das Estrelas, vai tomar o mesmo rumo. O livro infantojuvenil que atraiu tantos adultos, tem previsão de estreia também para 2014, para o mês de abril. Agora nos resta aguardar e torcer ansiosos! 



   Meu período de leitura anda meio conturbado, e tudo isso em razão do temido trabalho de conclusão de curso, que assombra os universitários desde o primeiro período da faculdade, mas os enlouquece mesmo, apenas no último semestre. E para conseguir terminar o TCC, estou lendo muitos relatos sobre o Holocausto com judeus, ciganos, homessexuais, e demais grupos indesejados pelo regime nazista de Hitler. Entre as obras estão: As Catorze Vidas de Davi, Uma Criança de Sorte, O Filho do Holocausto, Baú de Lágrimas, e muitas outras.



   Mas, estou louca para ler minha nova aquisição, Morte Súbita, de J. K. Rowling. E depois de passada, ou diminuida, toda a febre de Harry Potter, confesso que estou ficando com vontade de conhecer os livros da série dos bruxinhos.
   Os filmes que estão em cartaz não me entusiasmam tanto, mas quero assistir The Bling Ring - A gangue de Hollywood, e quem sabe, Wolverine: Imortal. 
   Ah, e eu que não era apegada a séries, comecei uma paixão com o Dr. Gregory House, estou na quinta temporada, mas ao mesmo tempo que tenho vontade de assistir todos em um dia, quero também ver tudo com muita calma, para que não acabe NUNCA. Eu sei, são manias estranhas de leitores e espectadores!



   Então é isso pessoal, espero que tenham gostado da minha participação no blog, e quem sabe em breve nos veremos por aqui novamente. E enquanto isso, quem quiser ler mais sobre fotografia, literatura e cultura, estou no Estranho ao Meu Modo.

Um Beijo e até breve!

terça-feira, 20 de agosto de 2013

GARIMPO: DAMAS DA TV











     Para comemorar os 50 anos da telenovela diária nacional o Canal Viva apresenta a partir da quarta-feira, dia 28 de agosto, o especial Damas da TV. Serão 23 episódios cheios de emoção e curiosidades destas feras da televisão.  As atrizes foram escolhidas - além das razões obvias - por terem mais de 40 anos de carreira. A data foi comemorada no dia 22 de julho (meu aniversário) quando estreou, em 1963, '2-5499 Oucupado, na TV Excelsior, com Glória Menezes como estrela principal. O prpograma irá ao ar sempre às 21h. 







     23 estrelas que nos fizeram rir, chorar, nos encorajaram, nos ensinaram. Décadas de emoções. O elenco é de primeira em um especial aguardadíssimo. Uma bela retrospectiva de grandes trajetórias. Participam do especial: Regina Duarte, Glória Pires, Eva Wilma, Arlete Salles, Rosamaria Murtinho, Aracy Balabanian, Betty Farias, Ana Rosa, Nathalia Thimberg, Ruth de Souza, Renata Sorrah, Yoná Magalhães, Débora Duarte, Irene Ravache, Marilia Pêra, Laura Cardoso, Joana Foom, Marieta Severo,   Nívia Maria, Susana Vieira, Nicette Bruno e Fernanda Montenegro. O primeiro episódio fica por conta de Glória Menezes. Não dá para perder, né? Até a próxima edição!!! 






As Damas                                                                    exibição          
Ep.1 - Glória Menezes                              28 de agosto      
Ep.2 - Fernanda Montenegro4 de setembro
Ep.3 - Regina Duate11 de setembro
Ep.4 - Yoná Magalhães18 de setembro
Ep.5 - Nathalia Timberg25 de setembro
Ep.6 - Nicette Bruno2 de outubro
Ep.7 - Rosamaria Murtinho9 de outubro
Ep.8 - Laura Cardoso16 de outubro
Ep.9 - Ana Rosa23 de outubro
Ep.10 - Marieta Severo30 de outubro
Ep.11 - Marília Pêra6 de novembro
Ep.12 - Ruth de Souza13 de novembro
Ep.13 - Renata Sorrah20 de novembro
Ep.14 - Irene Ravache27 de novembro
Ep.15 - Betty Faria4 de dezembro
Ep.16 - Joana Fomm11 de dezembro
Ep.17 - Eva Wilma18 de dezembro
Ep.18 - Aracy Balabanian25 de dezembro
Ep.19 - Débora Duarte1° de janeiro
Ep.20 - Arlete Salles8 de janeiro
Ep.21 - Nívea Maria15 de janeiro
Ep.22 - Susana Vieira22 de janeiro
Ep.23 - Glória Pires29 de janeiro



segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Com a Palavra por Khaoe Pacheco Edição 13




Na vida aos poucos aprendemos a lidar com perdas. Algumas são fáceis de superar, outras não.  O fim anunciado da MTV Brasil significa o fim de uma era por Khaoe Pacheco do blog BadFish



     A emissora musical foi a primeira a se dedicar ao público jovem e não precisou fazer parte da TV a cabo, a MTV estava presente em várias cidades brasileiras via UHF. O primeiro contato que tive com o canal foi através do sucesso do primeiro reality show da TV brasileira, 20 e poucos anos, que colocava câmeras atrás de pessoas comuns sem as competições por prêmios que existem nesse tipo de programa hoje. Já havia escutado sobre a emissora antes, graças ao boca a boca dos amigos que adoravam o programa Teleguiado com Cazé e também o desenho Beaves and Butt-head.



   Meus programas favoritos da MTV foram outros. Bom, na verdade, para quem assistia, nem sempre o conteúdo do programa importava e sim o VJ que apresentava.  O primeiro VJ que eu gostei foi o Gastão, que apresentava o Gás Total, um programa que apresentava clipes de rock. A medida que meu conhecimento musical foi aumentando e meus interesses mudando, passei curtir rock alternativo. Para os amantes desse público, a MTV também tinha espaço. O Lado B foi o programa que me apresentou a bandas como Radiohead, Belle and Sebastian e o cantor Beck. Minha fase favorita do programa foi aquela apresentada por Soninha, minha VJ favorita.  Meu desejo era namorar uma garota como a Soninha, descolada e fora do comum. 




   A MTV não era só música e reservava uma hora de sua programação para os jovens pesarem. Através do Barraco MTV com Astrid que levantava questões pertinentes com a audiência do canal. Se Soninha era a VJ que eu gostaria de ter como namorada, o Edgar era o amigo que eu queria ter por perto. Muito carismático e entendedor de música, ele parecia ser tipo que sempre tem assunto para o dia todo. A musa de todos era bem diferente da minha, Sabrina tinha um ar de garota com uma beleza clássica e uma presença marcante. Apesar de apresentar os programas mais bobinhos da casa – Disk MTV e Top 20 – seu charme compensava ter que aguentar “os artistas do momento”.  Lembro com carinho de outros programas e outros momentos.  O desenho Daria, os Supernovas que promoveram a estreia de Marcos Mion e Didi Wagner, Cine MTV  e também de outros VJs queridos  Marina Person, Chris Nicklas, Cris Couto e Fabio Massari.




   A muito tempo deixei de acompanhar a MTV, não só por que todos os VJs que conheciam não estavam mais lá e os atuais eram chatos e irritantes, mas também por que a proposta do canal por si só se tornou obsoleta. Hora, com a internet em alta velocidade, ver clipes que queremos ver a qualquer hora, é mais interessante que aquelas coisas que programas como Acesso queria fazer que é força o público a gostar de tal artista. A MTV de antigamente não nos forçava a nada, para isso existiam os programas segmentados para o espectador que curtia rock, rap, MPB, assim por diante. 



   A MTV como a conhecemos deixa de existir, ela vai continuar ao ar desta vez sobre o comando de sua empresa mãe, a Viacon, que também é dona do estúdio de cinema Paramount. Aquele canal do grupo Abril que fez parte da minha adolescência e de muitos de vocês acabou e como tudo na vida, ficará restrita a nossas memórias. Com este texto me despeço de Com a Palavra do blog do meu amigo Diogo que ficará suspenso por um tempo. 

                 Até uma próxima vez!!!

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

GARIMPO: DOCTOR WHO


A série mais cult do mundo
 por Khaoe Pacheco do blog BadFish



   Essa semana fãs de todos os lugares do mundo foram pegos de surpresa com o anuncio do novo ator a dar vida ao enigmático doutor protagonista da série Doctor Who. No ar há 50 anos pela BBC da Inglaterra, o seriado é a produção de ficção mais longa que se tem registro. Não em número de capítulos, mas em duração. Para manter a audiência da série sempre em alta, bem como renovar as histórias, a BBC optou por fazer a troca de atores do personagem principal de tempos em tempos.  A mais recente versão deste clássico da TV mundial pode ser visto de segunda à sexta a 01h00 e domingos às 14h30 na TV Cultura.



   O doutor nunca teve seu nome revelado, este “Who” é uma brincadeira feita pelos roteiristas todas as vezes que se pergunta: “O doutor Quem (Who)?”. Este é um dos muitos segredos que o seriado guarda. Membro dos lordes do tempo, o doutor sempre faz viagens entre tempo e espaço para proteger a Terra de várias ameaças, principalmente os Daleks. Outro detalhe importante na série Doctor Who é que o personagem principal sempre tem uma companheira de viagem que, assim como o protagonista, muda de interprete. Viajando numa máquina do tempo disfarçada de cabine telefônica chamada TARDIS, o doutor reserva muitas histórias e aventuras para seu público. É um seriado com uma pegada infanto-juvenil, mas muito bom de se acompanhar. 



   A versão apresentada pela Cultura é a mais recente produzida pela BBC quando as histórias passaram a ser bem mais ficcionais para atrair o público jovem. Assim, atores mais jovens como David Tennet, Christian Eclemerson e Matt Smith encarnavam o icônico personagem. Esta semana, foi anunciado que o ator experiente Peter Capaldi será o novo interprete. A escolha do ator de 55 anos para o papel vai de encontro às temporadas iniciais do programa dos anos 1960 quando o personagem era feito por atores acima dos cinquenta anos. Isso mostra que para a TV inglesa nem sempre beleza e boa aparência contam. As séries do Reino Unido são conhecidas por serem estreladas bem mais por atores talentosos do que belos, uma lição que o resto do mundo ignora. Até a próxima edição!!!



Com a Palavra por Diogo Bueno Edição 11

terça-feira, 6 de agosto de 2013

GARIMPO: NOVAS SÉRIES NO GNT


Tem para todos os gostos
 por Khaoe Pacheco do blog BadFish



     O canal GNT é um dos poucos da TV por assinatura que não ficam inertes na questão novidades. Este ano, o canal surpreendeu por estrear uma quantidade razoável de séries nacionais. A cereja do bolo foi a compra da popular em todo o mundo Downton Abbey, cuja terceira temporada começa a ser exibida este mês. Mas não são só os fãs da família Crawley que ficaram felizes, o GNT anuncia a estreia de novas – e interessantes – atrações para este mês de agosto.





   Começo por Downton Abbey, que teve o desafio de provar a crítica e ao público que ela realmente é boa. Isso aconteceu devido aos rumos que o seriado tomou no segundo ano quando os personagens queridos pelo telespectador foram deixados de lado para a construção da trama que focou a segunda guerra mundial e abalou a todos. A maravilhosa mansão da família Crawley foi transformada num hospital para abrigar os feridos do conflito.  Para a terceira temporada, também composta de 7 episódios e mais um especial de natal, Julian Followes, o criador do programa, volta as origens e entrega um ano com muita emoção e drama com a morte de dois personagens importantes e muito queridos pelo público. A série é exibida todas as quintas às 22h30.





     O GNT também programou para este mês a estreia de 3 séries. Em Parenthood (terças às 22h30) temos os dramas e conflitos vividos pelos membros da família Braverman. O seriado é inspirado no filme O Tiro que não saiu pela culatra estrelado por Steve Martin e Diane Wiest. Os nomes mais conhecidos do elenco são Peter Krause (de A Sete Palmos) como Adam o filho mais velho e Lauren Grahan (de Tal Mãe, Tal Filha – Gilmore Girls) como Sarah. Parenthood – sem título em português – será exibido com versão dublada e original com legendas. 





     A partir do dia 13 às 23h30 esta programada a exibição da elogiada série The Fall. O programa que foi “promovido” a série ao ter uma segunda temporada aprovada ainda quando estava sendo exibida como mini serie, tem como protagonista a atriz Gillian Anderson. A ex-estrela de Arquivo X interpreta Stella Gibson uma detetive inglesa convidada pela policia da cidade de Belfest na Irlanda para resolução de um complicado caso envolvendo o assassinato de várias jovens mulheres.  Desde o inicio o público conhece a identidade do assassino que é Paul (James Dornan) um pacato pai de família de dia e impiedoso assassino a noite.  A narrativa do seriado consiste em acompanhar o dia a dia de Stella e Paul nos seus ofícios.






     Assim como The Fall, a outra estreia Broadchurch, também é britânica e tem poucos episódios produzidos. O seriado mostra as investigações dos detetives Alec (David Tennant, de Doctor Who) e Ellie (Olivia Colman) acerca do homicídio de um garoto de 11 anos na praia que da título ao show.  Na Inglaterra a série fez sucesso e foi aprovada para segunda temporada e tem um projeto para um remake americano. 
     Vale acompanhar também a exibição das séries Weeds (segunda 23h30) sobre uma dona de casa que planta maconha para sustentar a família, Brothers e Sisters (segunda à sexta 8h00 e 05h00) sobre os dramas de uma família e a clássica produção britânica Absolutely Fabulosus (segunda 04h30) sobre duas amigas quarentonas muito doidas. São séries ótimas, pena que são exibidas em horários bem ruins. Até a próxima edição!!!  

domingo, 4 de agosto de 2013

Com a Palavra por Diogo Bueno Edição 10









     Amanhã umas das séries que mais amo - talvez há que mais amo - completa 10 anos desde sua estreia nos Estados Unidos. O.C. - Um Estranho no Paraíso é até hoje lembrada por seus fãs. Assim como Barrados no Baile marcou época, The O.C. também ganhou seu espaço entre as mais adoradas séries teens de todos os tempo.




     Me encantei desde o começo. Os dialogos, roteiro, atuações, tudo em O.C. me fisgou. Muitas situações que aconteciam no seriado parecia que se repetia em minha vida - guardada suas devidas proporções. Seth e Julie eram os personagens que mais eu me identificava. Suas piadas ágeis e humor inconfundível eram o sabor a parte.



     Infelizmente como todo bom seriado que se preze - até os maus - um dia chegam ao fim. Como conseguir conviver com esta perda? ( > A resposta). O.C. merecia um final melhor por todo legado cultural que deixou. Mas isso não aconteceu por diversos motivos. Nesses 10 anos o que nos resta e pegar os DVDs das quatro temporadas e voltar a viver em Orange Country. Até a próxima edição!!!  

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

EDITORIAL - AGOSTO




     O mês de Agosto é considerado por muitos o mês do desgosto. Mas no mundo do entretenimento até que está repleto de coisas boas. Na sessão do Vale a Pena Ver de Novo a partir da segunda dia 05 está de volta na telinha o sucesso de 2001 O Cravo e a Rosa. Adriane Esteves e Eduardo Moscovis em um de seus melhores momentos na teledramaturgia. A novela já foi reprisada há 10 anos e deve alavancar o ibope da emissora carioca que vem patinando por conta dos repetecos xicanos do SBT. A novela é boa, risadas são garantidas e o elenco é de primeira. Vale lembrar que amanhã tem o último capítulo de O Profeta com quase todo elenco principal de Amor à Vida. 





     
     Ainda na tela da Globo, tem uma novidade no Fantástico. Neste domingo tem a estreia uma nova série do Dr. Drauzio Varella sobre 'autismo'. Essa é um tema polêmico e deve abrir uma série de discussões pertinente a este tema que ainda é um tabu. Batizado como 'Autismo: Universo Particular', o quadro deve abordar todo tipo de tema que explique ainda mais esse transtorno. os sintomas, diagnóstico, direitos e todos os benefícios do tratamento. Me lembro que no mundo do entretenimento me lembro apenas de um episódio da Ghost Whisperer onde Melinda Gordon (Jennifer Love Hewitt) tinha que fazer a passagem de uma criança fantasma com autismo. Esse tema quase nunca aparece na TV.  



     Na TV por assinatura o movimento também está intenso. No Viva tem um especial em comemoração aos 50 anos da Teledramaturgia. Em 22 episódios vamos conhecer as 'Damas da TV'. Fernanda Montenegro, Regina Duarte, Laura Cardoso e Glória Pires são algumas das homenageadas. Marque na sua agenda esses especiais que começam no dia 28 às 21h. 




     No GNT tem a estreia da mini série The Fall. Sucesso da internet e com uma segunda temporada já garantida, The Fall com Stella Gibson (de Arquivo X) tem 5 episódios e está mergulhada em assassinatos, mistérios e muita ação. Ainda no GNT tem a nova temporada de Casa Brasileira no próximo domingo (4). Ainda na TV a cabo tem Enigmas Revelados no History. 



     Aqui no Planeta Diário Brasil com as férias da sessão 'Cá Entre Nós' vamos dar uma nova cara ao blog. Com mais de 3 anos de existência e mais de 30 mil visualizações o PDB ainda tem muito o que informar e entreter. Obrigado fieis leitores. Até a próxima edição!!!







terça-feira, 30 de julho de 2013

GARIMPO: VOCÊ ESCOLHE A PRÓXIMA NOVELA DO VIVA




A próxima novela do Canal Viva quem escolhe é você 
por Khaoe Pacheco do Blog BadFish






Sempre surpreendendo seu publico trazendo grandes produções do passado da Rede Globo, a Canal Viva inova mais uma vez e convida o publico a escolher a próxima novela a ser repisada pelo canal. Ainda que não seja uma votação totalmente democrática (quatro produções foram pré escolhidas), essa decisão do Viva vai de encontro com as necessidades do seu publico, altamente ligado na internet.  Através do site do canal, a audiência poderá escolher entre as novelas Água Viva (1980), O Dono do Mundo (1991), Fera Ferida (1993) e A Indomada (1997). Confira abaixo um pouco sobre cada trama.





ÁGUA VIVA de Gilberto Braga com a colaboração de Manoel Carlos.

Logo após o estrondoso sucesso de Dancyn Days, Gilberto Braga estava nervoso com a recepção que o publico teria a sua próxima atração, Água Viva. Mostrando os bastidores nada agradáveis da burguesia carioca, a trama gira em torno de uma órfã Maria Helena e o segredo que envolve a sua paternidade. Aqui Braga contou com a ajuda de Manoel Carlos para escrever a novela que fez muito sucesso na época de sua exibição. Os clichês presentes nas estórias escritas por Gilberto Braga aqui são vistos pela primeira vez como uma vilã rica e preconceituosa de meia idade, uma vilã jovem e ambiciosa, casais em crise e muita gente rica. No elenco nomes como Betty Faria, Reginaldo Farias, Tamara Taxman, Raul Cortez, Gloria Pires, e Lucélia Santos e Fabio Junior como o casal protagonista jovem.





O DONO DO MUNDO de Gilberto Braga

O Viva escolheu mais uma produção de Gilberto Braga para o seu publico escolher para rever. Mas, ao contrario de suas rivais, O Dono do Mundo demorou a gostar da historia cujo o protagonista era um cirurgião mal caráter que tira a virgindade da mocinha nos primeiros capítulos por causa de uma aposta. É a vingança da moça que guiara o destino dos personagens. Diversas partes da trama tiveram que ser reescritas por Braga devido a rejeição que o publico tinha com os personagens principais ao ponto de um casal secundário ser bem mais querido. A trama só engrenou quando Silvio de Abreu passou a colaborar nos roteiros fazendo mudanças sutis que resgataram o publico da época mais afim de ver as produção da concorrência Carrossel do SBT e Ana Raio e Ze Trovão da Manchete. No elenco, Antonio Fagundes, Malu Mader, Fernanda Montenegro e outros.





FERA FERIDA de Aguinaldo Silva, Ana Maria Moretzon e Ricardo Linhares.

Pegando personagens de contos do escritor Lima Barreto, Aguinaldo Silva criou um leque variado de personagens que fizeram sucesso no país. Continuando o esquema visto em Tieta, Silva trouxe mais uma vez uma pequena cidade onde vivem pitorescas criaturas. A trama gira em torno de Flamel um jovem com um dom de transforma qualquer objeto em ouro que decide voltar a Tubiacanga para se vingar da mortes do pais. No elenco, Edson Celulari, Guilia Gam, Cassia Kiss, Lima Duarte, Joana Fonn, entre outros.






A INDOMADA de Aguinaldo Silva

A mais recente produção escolhida pelo Viva é A Indomada um sucesso de Aguinaldo Silva. Mais uma vez, o autor apostou na criação de uma cidade fictícia e as historias de seus personagens estranhos. Os pais todo se rendeu a  trama que criou bordões utilizados até hoje, já que cidade, o povo falava um pouco inglês como “oh xente, my god”.  A trama girava em torno de Helena e sua luta para conquistar a herança que lhe é de direito mas no meio do caminho tem a sua tia malvada Maria Altiva. Com Eva Wilma, Adriana Esteves, Jose Mayer, Renata Sorrah e outros. 

O publico fã do Viva espera que esta seja uma pratica comum do canal a partir de agora, já que, se depender da Globo e suas escolhas para o Vale a Pena Ver de Novo, grandes produções deixaram de serem vistas. Se quiser participar da votação, é só entrar no site do canal Viva. Até a próxima edição!!!


domingo, 28 de julho de 2013

Com a Palavra por Ketilyn Almeida Edição 13



Annie Leibovitz e suas esplendidas fotos
 por Ketylin Almeida do Blog Estranho ao meu Modo



Hoje vamos falar de Annie Leibovitz. A fotografa, que já passou por inúmeras editorias, mas seja no rock and roll das turnês do Rolling Stones, ou nas celebridades da revista de moda e cultura, Vanity Fair, ela deixa sua marca e encanta com lindas imagens.


O seu olhar fotográfico é ótimo. Quem já foi retratado por Annie, sempre comenta que ela os deixava a vontade, o que resultava em fotografias naturais e, o mais importante, verdadeiras. E essa deve ser a arte de retratar, tirar a essência da pessoa a frente da lente, afinal todos nós nos transformamos quando vemos uma câmera apontada, mas aos poucos tiramos a máscara e mostramos quem somos.
Claro, sou apenas uma leiga, uma fã, mas para quem se interessou e quer conhecer um pouco mais sobre a vida da fotógrafa, e seus trabalhos, indico o documentário "Annie Leibovitz: A Vida Através das Lentes". 


Mas é impossível apenas escrever sobre Annie Leibovitz é preciso observar suas lindas imagens, que aliás dispensam legendas, é o que faremos! Até a próxima edição!!!






sexta-feira, 26 de julho de 2013

Enfim... Férias!


POR DIOGO BUENO


'Cá Entre Nós'




     Quando tive a ideia do 'Cá Entre Nós' não poderia imaginar que meus seguidores pudessem gostar tanto da minha opinião de algum fato importante, ou simples desabafo cotidiano.  Desde sua estreia em (04/01/2013) escrevi todas às sextas - sem exceção. 




     Como neste mês de agosto entrei de férias do trabalho e minhas aulas na faculdade serão somente as segundas-feiras vou me desligar por 4 semanas desta sessão - que tanto amo. Nesses quase 8 meses falei de um tudo. Lembram?



  O que fazer quando sua série favorita chega ao fim? As baboseiras ditas por Silas Malafaia e as delicias ditas por Astrid Fontenelle. Teve o fracasso de Salve Jorge e o fenômeno chamado Avenida Brasil. Falei do Oscar, de Hitchcock, Kubrick, Wanessa e as Fronteiras da Latinidade, entre outras.




   Depois de 30 postagens peço licença para um breve descanso. Vou aproveitar esse tempo para melhorar a cara do blog - que completou esse ano três anos de existência. Já batemos a marca de 30 mil visualizações - o que é fantástico visto que compartilho apenas para amigos no facebook. Volto em setembro com mais fôlego e novidades. Dia 1 - claro - tem meu sempre e necessário editorial. Até a próxima edição!!!


sexta-feira, 19 de julho de 2013

Homem de Aço




Por DIOGO BUENO


`Cá Entre Nós`





     Certamente você já viu, ouviu ou leu algo sobre o Superman! Confesso que esse nunca foi meu herói preferido da DC Comics, mas sua história me ganhou na série de TV Smallville - As Aventuras do Superboy. Sei que muitos fãs fervorosos de Clark Kent torcem o nariz para o seriado criado por Alfred Gough e Miles Millar, mas foi ele que me fez entender e me aproximar ainda mais da vida do 'último' sobrevivente de Krypton. Acredito que por ter uma pegada adolescente e dramas parecidos com o que eu vivia tenham sido o prováveis motivos de minha afeição por Smallville. Roteiro impecavel, uma boa safra de jovens atores talentosos e uma historia sem medo de ser contada e por que não alterada. 

     Muitos tem em seu imaginário Christopher Reeve como o eterno homem de aço, alguns ainda se lembram de Dean Cain (Lois e Clark - As Aventuras do Superman). Como já disse gosto de pensar nos atores da série de Tv quando lembro de Lana Lang, Pete Ross e Lex Luthor. Mas com a explosão de filmes de heróis (Batman/ X-Men/ Os Vingadores) nos cinemas nos últimos anos e com o fracasso de Superman - O Retorno (2003) a Warner e a DC tinham que reanimar aquele que um dia já foi o herói modelo de uma sociedade. Clark Kent é um típico caipira do bem que só quer saber de ajudar os outros e ter uma vida plena e feliz. Nada diferente do que seu verdadeiro eu (Ka-El). 



     
     Nessa nova empreitada do Super Homem nos cinemas - agora pelas competentes mãos de Zach Snyder (300) e Christopher Nolan (Cavaleiro das Trevas), muitas coisas mudaram. Para começar o nome do filme 'Homem de Aço'. Sempre ouvimos falar em Superman isso super homem aquilo. É arriscado tirar nome, música famosa, e até mesmo personagens importantes da vida de Clark Kent (Lex Luthor - não apareceu e Lana Lang - quase nem vi). O filme é bom? Sim. Precisa de mais seqüências para mostrar a que venho? Também. Conseguiu apagar o longa de 2003? Com certeza. 

    Teve muita coisa boa nessa nova produção do Man of Steel, a começar - claro - pelo novo homem de aço interpretado pelo desconhecido Henry Cavill (The Tudors). Seu porte físico e boa interpretação o separam dos brucutu sem muito talento do cinema. Amy Adams (Lois Lane) também está irresistivelmente perfeita. Gosto dessa atriz. Acho que ela sabe conduzir sempre muito bem sua personagem. Diane Lane, Russel Crowe e Kevin Costner foram as melhores participações que já vi num filme de ação. Mas ficou um gosto de quero mais - sem duvidas - principalmente a relação com os pais adotivos muito explorada em Smallville. A cena da morte de Jonathan Kent - mais uma vez - é linda!



     No resumo da obra gostei de Homem de Aço. Meus favoritos na categoria de heróis no cinema ficam por conta dos mutantes de X-Men e a trilogia Homem-Aranha e, claro os Batman - até os do Burton. Essa nova visão de Clark Kent foi boa e é apenas o começo de uma competente nova franquia. Gostei de Perry White ser negro? Sim. De Pete Ross e Lana quase não aparecerem? Não. Mas como essa franquia deve ir longe ainda tem tempo para tudo mudar! Até a próxima edição!!!